Sete bandidos são mortos em intensos tiroteios com policiais civis e federais


Armas apreendidas pela Polícia Federal com os bandidos
As policias Federal e Civil mataram sete bandidos durante troca de tiros, em situações, dias e locais diferentes. O tiroteio com a Polícia Federal aconteceu na tarde desta quarta-feira, 26, no Aeroporto Salgueiro, em Pernambuco, durante tentativa de assalto a um avião.

Um grupo armado tentou roubar valores que estavam sendo transportados em um avião de uma empresa para abastecer um banco da cidade. Os policiais impediu a ação dos bandidos e durante o tiroteio cinco bandidos foram mortos, um ficou ferido e quatro foram presos.

Com os criminosos foram apreendidas seis fuzis e uma metralhadora ponto 50 que estava instalada em um dos veículos utilizados. Essa, segundo os policiais, era a principal quadrilha especializada em assaltos a bancos e carros fortes da região e que vinha sendo investigada.

Como aconteceu

A atuação dos bandidos foi rápida. Eles invadiram a pista do aeroporto no momento da aterrissagem e abordaram os vigilantes dos carros-fortes que aguardavam para transportar o dinheiro. Em seguida dispararam contra o avião, ferindo o piloto e o obrigando a parar.
 
Policiais civis que participaram do tiroteio em Maringá
Eles não contavam com a presença da Polícia Federal, que partiu para cima dos bandidos e no confronto houve intenso tiroteio resultando na morte de cinco e ferimento em um, além de quatro serem presos. O bandido ferido foi socorrido ao hospital e nenhum valor foi roubado.

Segundo os policiais federais um veículo com quantidade ignorada de assaltantes conseguiu fugir, mas estão sendo realizadas buscas na região com a ajuda da Polícia Militar. O piloto do avião, cujo nome não foi divulgado, foi socorrido ao hospital e está passando bem.

Mais tiroteio com bandidos

O outro tiroteio, dessa vez entre policiais civis e bandidos, ocorreu na noite de terça-feira, 25, no centro de Doutor Camargo, a 37 quilômetros de Maringá/PR, provocando pânico. Dois criminosos foram mortos durante troca de tiros e outro conseguiu fugir mesmo depois de baleado.

Nenhum policial ficou ferido e os dois corpos foram encaminhados ao IML (Instituto Médico Legal) de Maringá, para os exames técnicos de praxe e identificação. O terceiro bandido, que está ferido, poderá ser preso a qualquer momento se procurar atendimento hospitalar.

As informações que se tem até o momento são de que os bandidos estavam fugindo da polícia depois de praticar vários roubos a residências no Município. Como os indivíduos não portavam documentos e nem eram conhecidos na região, foi dificultada suas identificações.



Comentários